reduc

O Núcleo de Segurança do Paciente colocou em funcionamento, no dia 1º de agosto, o projeto piloto para prevenção de lesões por pressão, nas unidades B e D do Hospital Santo Ângelo. O núcleo é coordenado pela enfermeira chefe, Maristane Almeida, e o projeto vem sendo desenvolvido pelas enfermeiras Daniele Lauxen da Rosa e Geovana Anschau. No dia 28 de julho, as enfermeiras iniciaram o treinamento das equipes destas duas unidades para atuarem neste projeto.

Durante a atividade, as profissionais de saúde falaram sobre a higienização, hidratação e manejo da umidade da pele; a avaliação nutricional do paciente; medidas para minimizar a pressão com a mudança de decúbito, reposicionamento do paciente no leito ou na poltrona e utilização de superfície de apoio; entre outros temas.

A enfermeira Daniele destaca que o objetivo deste projeto é promover a prevenção da ocorrência de lesões por pressão e outras lesões de pele. “O trabalho de prevenção vai definir uma rotina a ser adotada para avaliação do risco de desenvolvimento deste tipo de lesão. Também tem como proposta identificar riscos para evitar a lesão e o tratamento mais adequado aos pacientes”, explica.

Daniele revela que em setembro será feita a avaliação do trabalho desenvolvido com o objetivo de visualizar limitações e efetuar o aprimoramento das ações do projeto.

O Núcleo de Segurança do Paciente tem como objetivo os seguintes pontos: identificar corretamente o paciente; melhorar a comunicação entre os profissionais de saúde; melhorar a segurança na prescrição, no uso e na administração de medicamentos; assegurar cirurgia em local de intervenção, procedimentos e paciente corretos; higienizar as mãos para evitar infecções; e reduzir o risco de quedas e úlceras por pressão.

Foto: Cristiano Devicari